Sobre a Comm

Conheça um pouco mais de nossa empresa

Limites da automação

23/06/2021, Limites da automação | 264 0 0
Compartilhar com a galera

Em nosso momento atual, não há empresa que não esteja tentando melhorar sua eficiência financeira buscando isso em todos os aspectos - algumas, até, no sentido de sobreviver.

Diria, até, que quem não fizer isso (ou já não fez) poderá colocar em risco a sua sobrevivência.Dito isso, cada vez vez mais temos que buscar formas de automatizar os nossos processos. Estamos caminhando, neste sentido, para algo que, de alguma forma, nós, daqui da Comm, dominamos.

Para isso fazer, primeiro, é necessário sempre ter tudo muito bem planejado e dosado. Além disso, é claro, temos que seguir uma receita de conhecimento de especialistas. Isso sem nunca esquecer do mais importante: da experiência do consumidor. 

Sim, é ele quem tem que dar a última palavra e dizer se aceita ou não. Precisamos dar a ele opções para seguir no caminho que lhe for mais conveniente e que lhe gere mais valor. Para tanto, de forma simplificada, colocamos um básico do que precisa ser feito:

  • Analisar os processos: isso sempre precisa ser feito;

  • Definir os Fatores Críticos para o Sucesso do processo;

  • Ver o que, de fato, pode ser automatizado: buscar sempre o equilíbrio;

  • Colocar no papel - planejar: para que possamos saber de onde vamos e quando paramos;

  • Analisar, com mais detalhes, integrações e quando elas se fazem necessárias: aí vai depender se a empresa é mais ou menos digital;

  • Escolher uma ou algumas áreas para serem tratadas: lembro que todas as áreas podem ser, de alguma forma, automatizadas;

  • Criar o ambiente necessário para que seja feito o MVP - "Minimum Viable Product" ou, traduzindo para o português, Mínimo Produto Viável;

  • Escolher os KPI - "Key Performance Indicator" - indicadores-chave de desempenho (nada mais do que métricas eleitas como essenciais a seu processo de gestão"

 

Passando pelos pontos acima, diria que, já dentro do MVP, teremos que buscar os limites, ou seja, o equilíbrio para saber até onde poderemos ir e contribuir.

Hoje, a área de serviço é a que lidera esse movimento e vem sendo um grande diferencial adquirido por eles.

Lembro: todos podemos - e, até diria, devemos sempre buscar isso - automatizar, pois, com isso, estamos, de fato, praticando um Projeto de Melhoria Contínua. Ou seja, os caminhos que levam a uma automação de sucesso remetem à revisão dos processos existentes, gerando um ciclo virtuoso na Ciclo de Deming.

No alt text provided for this image

Com certeza, quando achamos o equilíbrio nesse processo, estaremos ficando prontos para poder escalar seja lá qual for a sua necessidade. Claro que, com isso, vem sempre um conjunto com ferramentas que deveriam, sempre, ser analisadas e testadas para que possam ser conhecidas e, aí sim, escolhidas.

Por tal razão, sempre defendi que as empresas especializadas em automação ofertem uma demonstração. Quando aprendi e pratiquei isso, há muito tempo, chamávamos este modelo comercial de "Try and Buy" - traduzindo: "Teste e Compre".

Outra coisa que sempre defendi é que, fazendo tudo isso, vamos começar a sentir algumas das dores do cliente, o que nos ajuda a buscar sempre uma melhor e mais eficiente solução para seu problema.

Isso é o que pregamos hoje e vem sendo feito e ofertado através da Comm Solutions. Esperamos que, com isso, possamos atender o que hoje se busca em termos de automação.

 

 



Gostou desse artigo?
Comentários
Nenhum comentário...
Deixe seu comnetário

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência. Saiba mais!